Prometheus Greek God - Mitologia, Simbolismo e Fatos

2022 | Simbolismo

A mitologia grega representa uma combinação de histórias antigas e mitos sobre criaturas que eram mitológicas, mas também reais. A mitologia grega é especialmente valorizada e popular em todo o mundo, provavelmente devido à maneira como os gregos dedicaram atenção a ela e a tornaram tão especial. A mitologia na Grécia antiga era tudo o que importava e as pessoas acreditavam fortemente em tudo o que se dizia sobre os deuses governantes.

Alguns personagens da mitologia grega são fictícios, mas alguns deles não são. Algumas histórias são baseadas em eventos reais que aconteceram na Grécia antiga e nos países ao redor dela, que estavam cheios de criaturas mágicas, incríveis habilidades divinas dos heróis principais e muitas outras coisas. As pessoas amavam seus deuses e devotavam suas vidas a adorá-los e torná-los ainda mais conhecidos.



Uma das razões pelas quais a mitologia grega permaneceu tão popular mesmo nos tempos atuais é porque não havia mitologia e cultura tão fortes e influentes quanto a civilização grega. Eles nos deram diplomacia, democracia e são os fundadores de algumas das regras modernas pelas quais vivemos hoje.



No texto de hoje, estaremos falando sobre o deus grego Prometeu e a razão pela qual ele pertence a uma das divindades mais proeminentes e conhecidas da mitologia grega. Seu acréscimo à mitologia grega e as histórias que o cercam são extraordinárias e vale a pena ouvir, então, se você sempre quis saber mais sobre Prometeu, aqui está uma chance de fazer isso.

Mitologia e Simbolismo

Prometeu foi um titã, mas também um herói para toda a nação da Grécia. Segundo mitos e lendas, ele criou o homem do barro. A razão pela qual Prometeu pertence a uma das figuras gregas mais populares é porque ele foi considerado muito inteligente e um campeão que representou toda a raça humana. Prometeu foi mencionado em muitas histórias e mitos da cultura grega. Muitos desses mitos são muito importantes e conhecidos por pessoas que nem mesmo estão envolvidas na mitologia grega.



Um dos mitos menciona Prometeu e o nascimento de Atenas. De acordo com esses mitos, Zeus teve uma grande dor de cabeça e Prometeu sugeriu que ele usasse uma pedra e batesse com ela na cabeça para fazer a dor parar. Assim que Zeus fez isso, a deusa Atenas saiu de sua cabeça e a dor de cabeça parou. Em outra versão desta história, a cabeça de Zeus foi curada por Hefesto. De qualquer forma, Prometeu é frequentemente relacionado com o nascimento da poderosa deusa Atenas e esta é uma das primeiras menções de seu nome em histórias.

De acordo com a lenda, Prometeu e seu irmão Epimeteu foram para a área grega de Bício e lá fizeram figuras de barro. Atenas decidiu pegar essas figuras e dar-lhes vida, que foi a criação dos primeiros humanos de acordo com a lenda grega. Na verdade, esse mito liga Prometeu à criação dos primeiros humanos, o que é um dos mais importantes elos de seu nome.

Zeus mais tarde exigiu que os humanos lhe trouxessem um sacrifício e o obedecessem. Prometeu decidiu sacrificar um boi grande e parti-lo em dois pedaços. Na primeira metade colocou graxa e cobriu com pele de boi e na outra meteu ossos de boi que cobriu com gordura. Prometeu então pediu a Zeus para escolher uma peça para si mesmo, e Zeus viu uma farsa, então ele escolheu a metade com ossos para que ele pudesse ter um motivo para infligir vingança aos humanos.



Outra versão do mito diz que Zeus não foi capaz de ver através da farsa e isso o deixou com raiva. Ele proibiu seu irmão de tornar os humanos civilizados e Atenas decidiu pular para a salvação dos humanos. Ela ensinou Prometeu a civilizar as pessoas e, portanto, enganou Zeus novamente. Zangado Zeus então decidiu proibir os humanos de usar fogo e criá-lo.

O irmão de Prometeu, Epimeteu, deu a todos os animais boas características e quando ele veio aos humanos, não havia boas características restantes.

Para ajudar os humanos a serem superiores aos animais,

Prometeu decidiu dar fogo aos humanos e ajudá-los a governar o reino animal. Depois que Prometeu fez isso, não havia opção de tirar dos humanos o que o deus havia dado a eles, então Zeus decidiu odiar toda a nação humana e punir Prometeu.

De acordo com um mito, Zeus exigiu que Hefesto escravizasse Prometeu com algemas no monte Cáucaso. Mais tarde, ele enviou uma águia chamada Etonus para mastigar lentamente Prometeu e comer seu fígado. A águia era o animal sagrado para Zeus, mas Prometeu era imortal e seu fígado era rejuvenescido a cada dia.

Este ritual de uma águia comendo seu fígado todos os dias após o rejuvenescimento foi imposto para que Prometeu pudesse sofrer todos os dias até o fim dos tempos. Hércules encontrou Prometeu na montanha e o libertou de suas algemas.

Prometeu também sabia qual de suas esposas vai dar à luz um filho que vai tirá-lo do trono, assim como tirou o trono de seu pai Cronos. Esta é uma das razões pelas quais Prometeu foi algemado e a punição deveria durar 30.000 anos.

Zeus ficou com raiva porque seu filho Hércules libertou Prometeu, porque ele era seu filho. Prometeu voltou ao Monte Olimpo depois de ser libertado, mas teve que usar nas costas a pedra a que estava amarrado pelo resto da eternidade.

Para punir os humanos, Zeus decidiu criar uma mulher chamada Pandora. Ela deveria ser um presente para humanos e outros deuses deram a ela vários presentes, e um deles foi a curiosidade.

Prometeu disse a seu irmão Epimeteu que não deveria aceitar nenhum presente dos deuses, mas não resistiu ao encanto de Pandora. Hermes alertou Epimeteu sobre a caixa de Pandora que não deveria ser aberta.

Pandora não resistiu à tentação porque estava curiosa e todos os males do mundo saíram da caixa.

A humanidade começou obcecada pela ganância, paixão, doença e fome. Pandora fechou a caixa e abriu-a novamente, o que permitiu que a esperança saísse da caixa que iluminou a humanidade.

Significado e fatos

O nome Prometeu vem da palavra grega prometheia que significa prever ou prever. Esse nome pode ser comparado à etimologia do nome de seu irmão Epithomeus, que significa premissa. O nome Prometeu é freqüentemente usado na cultura popular para nomear coisas diferentes.

Prometeu era o símbolo de nobreza, generosidade e sacrifício pela raça humana.

Este deus grego também era um símbolo de superação de obstáculos e inteligência que é usada para o bem maior. A lua de Saturno recebeu o nome dessa divindade grega e em 1809; um vulcão na lua chamado Io também era chamado de Prometeu.

Prometeu foi representado como um epítome de algo bom, nobre e como uma divindade preparada para doar tanto à raça humana. Seu personagem é freqüentemente ligado à visão de Deus no Cristianismo porque Prometeu criou os humanos do barro, de acordo com uma lenda. No Cristianismo, temos um Deus que criou os seres humanos e deu-lhes vida.

Na arte, Prometeu é freqüentemente retratado como um prisioneiro no monte Cáucaso junto com uma águia. Essas pinturas são representações do sofrimento de Prometeu e sua luta pela raça humana. Outras representações de Prometeu são com figuras humanas de barro, fogo ou junto com seu irmão Epimeteu.

Não há muitas informações sobre Prometeu e sua infância. Na teogonia de Hesíodo, um nome Iápeto é mencionado, bem como o nome Clymene como pais de Prometeu. Também há menção de titãs Atlas, Epimetheus e Menoetius que eram seus irmãos.

De acordo com a maioria das histórias, Prometeu, juntamente com seu irmão Epimeteu, deveriam presentear as pessoas com vários presentes e torná-las civilizadas. Em outras histórias, Prometeu foi o primeiro ser humano criado a partir do barro, que é uma representação completamente diferente dessa divindade grega.

Os mitos gregos nos dizem que a razão pela qual somos civilizados e temos fogo hoje, é porque Prometeu deu às pessoas esse dom supremo. Depois que seu irmão usou todas as boas qualidades nos animais, eles não sobraram nada para os seres humanos. É por isso que Prometeu decidiu presentear as pessoas com algo que elas pudessem usar para lutar contra os animais e governá-los.

Algumas histórias até mencionam que Prometeu roubou o fogo da oficina de Atenas no Monte Olimpo e o deu aos humanos. É por isso que essa divindade grega é tão adorada e amada pelos humanos, porque ele foi a razão pela qual os seres humanos sobreviveram e foram capazes de se desenvolver. Além de estar ligado à história do desenvolvimento e da sobrevivência humana, Prometeu também foi ligado a Pandora. Pandora era um presente dos deuses para os humanos, mas ela deveria trazer o caos e a ruína assim que viesse para a Terra.

Prometeu avisou seu irmão para não aceitar nada dos deuses, mas ele se apaixonou pela bela Pandora. Ligada a esta história está a história da Caixa de Pandora e o caos que veio à Terra depois de abri-la. Pandora era dotada de muitas coisas e uma delas era a curiosidade.

Esta é a razão pela qual Pandora não resistiu e abriu a caixa. Após este momento, a humanidade ficou obcecada pela ganância, paixão e outras características negativas que continuam a nos dividir e tornar nossas vidas um inferno.

Na maioria das pinturas e estátuas, Prometeu foi retratado nu com alguns símbolos que estão ligados a ele, como águia, fogo ou ele foi pintado na presença de Atenas e seu irmão Epimeteu. Muitos mitos e histórias importantes ligados à criação de pessoas estão ligados a Prometeu, o que apenas o coloca no centro da mitologia grega e o torna um dos personagens mais importantes da mitologia grega.

Conclusão

A mitologia grega representa uma combinação de histórias antigas e mitos sobre criaturas que eram mitológicas, mas também reais. A mitologia grega é especialmente valorizada e popular em todo o mundo, provavelmente devido à maneira como os gregos dedicaram atenção a ela e a tornaram tão especial.

As pessoas amavam seus deuses e devotavam suas vidas a adorá-los e torná-los ainda mais conhecidos. Uma das razões pelas quais a mitologia grega permaneceu tão popular mesmo nos tempos atuais é porque não havia mitologia e cultura tão fortes e influentes quanto a civilização grega. Eles nos deram diplomacia, democracia e eles são os fundadores de algumas das regras modernas pelas quais vivemos hoje.

Prometeu é um dos personagens gregos mais importantes e sua existência está ligada a muitas histórias importantes que cercam a origem humana e a origem da consciência humana. Prometeu se tornou o símbolo de conhecimento, inteligência e, em geral, um herói para toda a raça humana e a espécie humana.

Sua importância na mitologia grega pode ser facilmente percebida se olharmos quantas vezes seu nome ainda é usado na cultura popular e quando olharmos para o impacto que sua existência deixou na humanidade.