11 Great American Amari para experimentar agora

2021 | > Bebidas Espirituosas E Licores
amari americano

Minnesota fernet? Abacaxi amaro? A sede coletiva do licor italiano amaro não é uma pílula amarga. Os bebedores abraçaram tanto o digestivo com baixo teor de álcool, à base de casca e botânica, que foi apenas uma questão de tempo até que as versões feitas nos Estados Unidos florescessem.

Por volta de 2010, empresas gostam Raiz na Pensilvânia e Leopold Bros. no Colorado, lançou algumas das primeiras incursões sérias no domínio dos digestivos. Hoje, produtores de Buffalo a Los Angeles estão na vanguarda de uma segunda onda de amari cultivado localmente. Estas são 11 garrafas de destaque para você experimentar.



Vídeo em destaque
  • Don Ciccio & Figli C3 Bitter Alcachofra (US $ 33)

    C3 Bitter AlcachofraLiquor.com / Tim Nusog

    'id =' mntl-sc-block-image_2-0-1 '/>

    Liquor.com / Tim Nusog

    Em um aceno de cabeça para Cynar , este amaro de Don Ciccio & Figli, com sede em Washington, D.C., vira tradicional. Não é surpreendente, já que o proprietário e destilador Francisco Amodeo é a quinta geração a experimentar as receitas de família iniciadas por seu bisavô na Costa Amalfitana no final do século 19. O C3 Carciofo é baseado em uma receita muito antiga que data de 1911, diz Amodeo. O amaro agora consiste em três variedades diferentes de alcachofras da Califórnia usadas para obter a nota certa de vegetais e salgados, junto com grapefruit de origem texana e 18 outros vegetais. Ele deixa você com um amargor saboroso e agradável no palato que funciona por conta própria ou faz uma troca mais taciturna por Campari em um Boulevardier .

  • Greenbar Grand Hops Amaro ($ 30)

    Liquor.com / Tim Nusog

    sexo na praia bebida em lata
    'id =' mntl-sc-block-image_2-0-4 '/>

    Liquor.com / Tim Nusog

    Jornalistas que viraram donos de destilarias Melkon Khosrovian e Litty Matthews gostam de virar as ideias de cabeça para baixo e do avesso para encontrar novas direções a partir das quais abordar um projeto. Inspirado na tradição dos IPAs da costa oeste, o amargo aqui não vem de agentes amari típicos, mas de lúpulos bravo, citra e simcoe. Este movimento inteligente fornece os aromas e sabores dominantes da bebida, juntamente com algum contrapeso da cana-de-açúcar. Menos do que um gole sozinho, este amaro do Novo Mundo está pronto para misturar e pode até mesmo impressionar os amigos da cerveja ou do busto em sua multidão.

  • Greenbar Grand Poppy Amaro ($ 24)

    Liquor.com / Tim Nusog

    'id =' mntl-sc-block-image_2-0-7 '/>

    Liquor.com / Tim Nusog

    É divertido cheirar este amaro do Novo Mundo e tentar escolher os vegetais, que são muitos: papoula orgânica e folha de louro; uma abundância de frutas cítricas, como laranja, limão e toranja; bearberry, pimenta rosa, dente de leão, cardo bento, bardana, arruda, alcachofra, genciana, gerânio e casca de cereja. Este amaro tem um estilo mais parecido com o vermute e é um modificador de coquetel versátil ou uma boa adição a um copo de Brut Prosecco.

  • Gulch Distillers Burrone Fernet (US $ 45)

    Liquor.com / Tim Nusog

    'id =' mntl-sc-block-image_2-0-10 '/>

    Liquor.com / Tim Nusog

    Iniciado por Tyrrell Hibbard e Steffen Rasile em Helena, Montana, em 2015, este impressionante fernet é uma mistura perfeitamente equilibrada de açafrão, camomila, menta, mirra, ruibarbo e outros vegetais locais macerados em uma base de grãos de Montana. Não apenas os sabores intensos e bem misturados são harmoniosos, mas o final deixa você com um amargor contido na medida certa neste amaro de 71 provas. Amaro é o principal motivo pelo qual entrei no negócio de destilação, diz Rasile. Sempre me surpreendi com a grande variedade de sabores e a complexidade de uma única categoria de licor.

    Continue para 5 de 11 abaixo.
  • Abacaxi antigo Amaro ($ 38)

    Liquor.com / Tim Nusog

    'id =' mntl-sc-block-image_2-0-13 '/>

    Liquor.com / Tim Nusog

    Um spin-off sonhado pelos donos dos bartenders de Milwaukee Bittercube Bitters , Heirloom pretende ser esotérico com a linha de licores da empresa, que foi lançada no verão de 2018. De sua cor dourada profunda a sua textura rica, felpuda e escorregadia e nariz de abacaxi cristalizado, a entrada tropical da Heirloom é uma ideia fora do comum caixa de engarrafamento que implora por experimentação Tiki ou mesmo alguns cubos de gelo, fatias de pepino e um toque de club soda em um dia quente de verão.

  • Lockhouse Amaro ($ 35)

    Liquor.com / Tim Nusog

    'id =' mntl-sc-block-image_2-0-16 '/>

    Liquor.com / Tim Nusog

    Pode ter sido o clima frio da cidade natal de Lockhouse, Buffalo, que inspirou o estilo final deste digestivo aconchegante. Cinchona, raiz de quasia e cardo abençoado amplificam o lado amargo das coisas, e o resto dos sabores bem arredondados são dominados por uma fusão de sassafrás, casca de laranja e limão, cardamomo e canela, todos macerados em um destilado à base de milho de Nova York. Todos juntos, eles farão você procurar a cadeira confortável mais próxima estacionada em frente a uma lareira. Embora o açúcar turbinado seja a principal fonte de adoçante, queríamos dar um pouco de doçura natural e percebida dos botânicos a esse destilado também, por isso brincamos com o uso de beterraba em cubos crua de origem local e sabugueiro, diz o coproprietário Cory Muscato. Eu acho o Amari tão fascinante e cheio de histórias por causa da ampla variedade de estilos e métodos de produção usados ​​para fazê-lo.

  • Lo-Fi Gentian Amaro ($ 32)

    Liquor.com / Tim Nusog

    'id =' mntl-sc-block-image_2-0-19 '/>

    Liquor.com / Tim Nusog

    Faz sentido que a região vinícola que colocou os EUA no mapa seja o lar de uma produção amaro e, além disso, com uma das empresas familiares de maior sucesso por trás dela. Lo-Fi é uma colaboração baseada em Napa entre E. e J. Gallo e Steven Grasse (famoso por Root, Hendrick e Sailor Jerry). Seu amaro de genciana começa com uma base de vinho branco fortificado e, além do botânico homônimo, também contém erva-doce, casca de cinchona, hibisco, toranja, gengibre, bois de rose e bitters de óleo de laranja. Possui um caráter frutado e floral distinto e é suculento e fresco na boca, com um final persistente e suave com raspas de frutas cítricas. É um sub capaz para Aperol em um spritzer .

  • Long Road Distillers Amaro Pazzo ($ 35)

    Liquor.com / Tim Nusog

    'id =' mntl-sc-block-image_2-0-22 '/>

    Liquor.com / Tim Nusog

    Este amaro é uma colaboração entre dois produtores de Grand Rapids, Michigan: Long Road Distillers e Madcap Coffee Company . A base de feijão que escolheram para o licor é Reko da região de Kochere, na Etiópia, e oferece uma riqueza de óleo cítrico e gengibre cristalizado à combinação de vegetais usados ​​no amaro, notavelmente mirra, ruibarbo de peru, laranja e absinto. Embora este par não seja o primeiro a fazer um amaro que olha para o café para uma complexidade extra, eles parecem ser os primeiros a pensar cuidadosamente sobre o que esse café é e deve ser (neste caso, uma única origem) e realmente disque em como ele joga com os botânicos.

    Continue para 9 de 11 abaixo.
  • Tattersall Amaro ($ 33)

    Liquor.com / Tim Nusog

    o que você mistura com uísque irlandês
    'id =' mntl-sc-block-image_2-0-25 '/>

    Liquor.com / Tim Nusog

    De acordo com o co-fundador Jon Kreidler, este amaro tem 25 botânicos impressionantes macerados na base de álcool de milho orgânico. Como é tradicional com amari, fica em carvalho por um tempo para que os sabores possam se misturar. Há uma qualidade saborosa e fresca neste amaro que se apresenta com aromas de cogumelos porcini secos, sálvia, erva-doce e cardamomo. É brilhante e vigoroso no seu palato e deixa uma hortelã suave e amarga persistente em sua língua que faz você querer pegá-lo novamente e novamente.

  • Tattersall Fernet ($ 35)

    Liquor.com / Tim Nusog

    'id =' mntl-sc-block-image_2-0-28 '/>

    Liquor.com / Tim Nusog

    O fernet de Tattersall balança para fora do portão com um lindo nariz alpino de chocolate e menta, junto com notas de sassafrás, pinheiros e alcaçuz. Ele atinge um ABV ligeiramente mais alto do que o amaro (35% contra 30%), e essa qualidade mentolada acentua o calor extra, junto com um aumento crescente de amargor de casca de árvore. Tudo isso torna este fernet americano muito satisfatório depois de uma refeição de alto teor calórico, de arrasar as entranhas e gelar.

  • Ventura Spirits Amaro Angeleno ($ 45)

    Liquor.com / Tim Nusog

    'id =' mntl-sc-block-image_2-0-31 '/>

    Liquor.com / Tim Nusog

    Se um amaro consegue se erguer no pedestal de um lindo, este de L.A. Ventura Spirits tem postura perfeita. Ventura se concentra na abundância dos grandes produtos da Califórnia, começando com a base do vinho, que vem de Paso Robles e é fortificado com conhaque local antes do início da maceração. Esses vegetais locais são um jardim fresco e perfumado de delícias: casca de laranja e limão, verbena de limão, rosa, camomila, jasmim, manjerona (os três últimos mais os cítricos realmente brilham nos aromáticos) e pedaços de atrevimento adicionados de anis estrelado e sassafrás . Com as notas de fundo de fundo de arruda, genciana e casca de quássia, que adicionam uma nota achocolatada no final, bebe mais como um vinho aromatizado do que como um amaro. Beber é realmente a melhor maneira de experimentá-lo, mas este amaro combina bem com bourbon.

consulte Mais informação